Tsukase used Revive!

Puta que pariu, 5 meses de blog e 3 posts. Hell yeah, motherfucker. That’s the way.

Podia ter apagado essa merda e ter começado um outro, mas gostei dos posts anteriores e resolvi que só irei reformular. Meu nick internético cool e descolado é Tsukase, então provavelmente referirei – me a mim mesmo de tal forma. Espero que desta vez eu não desista do blog tão rapidamente.

Fechando pontas antigas, terminei Civil War. É bacana, mas logo depois parei de ler quadrinhos do universo marvel, tenho acompanhando só os do selo Vertigo. Me esqueci o desfecho da desventura anteriormente retratada, mas hey, who cares?

Vamos falar sobre coisas atuais. Tenho ouvido bastante música, estou viciado no último albúm do Avenged Sevenfold, Self-Titled (Dêem uma olhada no single “principal”: http://www.youtube.com/watch?v=HIRNdveLnJI), que é ótimo. E baixei também o CD do The Last Shadow Puppets, que achei bem bacana (Pra quem não sabe, é um side project do vocalista do Arctic Monkeys).

Tenho jogado e lido muito. Último jogo zerado foi God of War: Chain of Olympus, do meu recém destravado PSP. Sem contar os 10 jogos de DS anteriormente zerados em um curto período de tempo. Mas agora tenho jogado muito jogos Online. Desde Combat Arms, que é um ótimo FPS em que eu estou extremamente viciado (Meus frags no jogo provam isso, algo como 40 kills e 15 deaths está se tornando algo comum no meu “currículo”) até Kick Off, um jogo online de futebol hahahah. E tenho jogado Ragnarok também =P

Quanto aos livros, dei uma pequena pausa em A Luneta Âmbar, último volume da Trilogia Fronteiras do Universo, de Phillip Pullman, que é excelente. Altamente recomendado, mas postarei mais impressões quando terminar o livro e, consequentemente, a coleção. Nessa pausa, li o excelente O Estrangeiro de Albert Camus. Extremamente bem escrito, com uma trama no mínimo interessante, e apesar de eu ter desanimado um pouco na segunda parte, o final me impressionou, de certa forma. Recomendadíssimo. E acabei há alguns minutos um livro chamado Um Amigo no Escuro, de Marcia Kupstas, que me surpreendeu demasiadamente. Como era um livro da escola, pensei que, como habitual, seria mais um livro bestinha “para a nossa faixa etária” (Ou seja, aqueles livros infanto-juvenis ordinários) mas felizmente não era. Com uma trama e escrita simples, o livro inteiro retrata um diálogo por telefone, extremamente envolvente, o livro realmente me surpreendeu. Não garanto nada para outros, mas recomendo pelo menos dar uma olhada.

Vou terminar por aqui, provavelmente amanhã postarei o motivo da mudança do nome do blog.

Anúncios

No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: